Brincadeiras de criança


Brincadeira de criança como é bom, relembrando os velhos tempos e colocando em prática nos dias atuais as brincadeiras que faziam sucesso no passado.

Vamos aprender algumas brincadeiras:

Amarelinha:

Qual menina nunca brincou de amarelinha?

Um diagrama desenhado com giz sobre a calçada que, fazia a alegria da criançada em uma época em que não tinha celular e nem internet.


Desenhe um diagrama com giz no chão, o traçado é um retângulo grande dividido em dez retângulos menores (como casinhas) numeradas de 1 a 10. Na parte superior do diagrama faça uma meia-lua e escreva a palavra céu. Que nem a imagem abaixo:



Para jogar, fique atrás do início do traçado (oposto ao céu) e atire um marcador na casinha (pode ser um pedra ou um pedaço de pau) que não poderá ser pisada, começando pelo número 1.  Atravesse o resto do circuito dando pulos alternados com um pé e com os dois. Ao chegar ao céu faça o caminho de volta, e pegue o marcador sem pular na casa onde ele se encontra. Volte para trás do traçado, jogue o marcador na próxima casinha e assim sucessivamente que, será a vez do próximo jogador.


Nesta brincadeira deve ter mais de 4 participantes para ficar mais animada a brincadeira, e crianças acima dos 5 anos podem participar.


Barra Manteiga:


Trace no chão 2 linhas paralelas com cerca de 5 metros entre elas. Chame 10 amigos e divida-os em 2 grupos. Os jogadores devem ficar enfileirados atrás de uma das linhas com a palma da mão virada para cima e o cotovelo dobrado na altura da cintura. O representante de um dos grupos vai até o grupo adversário e passa de um em um, batendo levemente nas mãos estendidas, sendo que, em qualquer momento ele pode dar um toque mais acentuado em um dos participantes e gritar: barra manteiga, na fuça da nega e sair correndo de volta em direção ao seu campo.

O jogador que receber o toque acentuado corre atrás do participante, e se ele for pego antes de voltar ao seu grupo passa a fazer parte do grupo adversário. Vence o grupo que tiver o maior número de participantes.


Corrida do saco:


Marque um ponto para ser a linha de chegada, cada participante deve entrar no saco de estopa ou fronha. Ao ser dado o sinal os jogadores devem sair pulando até cruzar a linha de chegada. Tombos podem acontecer, mas o que vale é a brincadeira. Participantes acima dos 6 anos.


Cabra cega:


De olhos vendados, um dos participantes será o cabra-cega que tentará pegar os outros jogadores. O primeiro a ser pego passa a ser o novo cabra-cega. Quantos mais jogadores melhor, crianças acima dos 6 anos podem se divertir.


Escravos de Jô:


As crianças sentam em circo, 6 participantes, e cada uma segura uma pedrinha que, será passada de um integrante para outro em uma coreografia de vai e vem seguindo a música:


Escravos de Jó jogavam caxangá - (os jogadores vão passando as pedras um para o outro do lado direito, de forma que cada jogador fique sempre com uma pedrinha só) 

Tira, (cada um levanta a pedra que está em suas mãos) 

Põe, (colocam a pedra de novo no chão) 

Deixa ficar (apontam com o dedo para a pedra no chão) 

Guerreiros com guerreiros (voltam a passar a pedra para a direita) 

Fazem zigue, (colocam a pedra na frente do jogador à direita, mas não soltam) 

Zigue, (colocam a pedra à frente do jogador à esquerda, mas não soltam)
 
 (colocam a pedra à frente do jogador à direita novamente) 


Boa brincadeira!




Nenhum comentário:

Postar um comentário