Desbravando Analândia


Marisa Fonseca Diniz


Analândia é uma estância climática do Estado de São Paulo que abriga monumentos naturais, e é muito procurada por aventureiros e ecoturistas para a prática de escaladas, rapel, conyoning, boia-cross e outros esportes radicais.



A cidade é delimitada ao norte pela cidade de Descalvado, ao Sul por Corumbataí e Itirapina, ao leste Pirassununga e Santa Cruz da Conceição e a oeste por São Carlos. A temperatura média anual da cidade é de 23º C.
Cercada por cachoeiras e belas paisagens como o Morro Cuscuzeiro com cerca de 900 metros de altura, constituída de rocha arenítica e é muito procurada como ponto de contemplação da cidade, além de ser utilizada para a prática de escalada e o rapel. O Morro do Camelo é outro local muito utilizado para a prática de esportes radicais, e o curioso é a sua formação que lembra um camelo.



As cachoeiras Santo Major Levy, do Escorrega, Ponte Amarela e da Bocaína são o cartão postal da cidade. Na entrada da cidade encontra-se a Santo Major Levy formada por uma queda d’água de 25 metros no Rio Corumbataí. A Cachoeira da Ponte Amarela fica localizada numa reserva ecológica de 15.000 m² a cinco minutos do centro de Analândia, e é ideal para caminhadas. A reserva possui uma diversidade de espécies de vegetação nativa, além de uma piscina natural que mais se parece com uma prainha. A Cachoeira da Bocaína fica incrustada no meio da serra e é uma das maiores cachoeiras com 45 metros de queda d’água.


A cidade proporciona diversos locais culturais para serem visitados, tais como: a Igreja Matriz de Sant’Anna fundada em 1887, as Ruínas da Chaminé da época do café, a Estação Ferroviária Rio Clarense de 1884, Haras Vila Colonial, Gruta Nossa Senhora de Lourdes, Lago da Bruxa e Fonte São Francisco.


Analândia fica a 227 km da cidade de São Paulo, e para chegar lá é carro as rodovias de acesso são Rodovia dos Bandeirantes (SP-348), Rodovia Anhanguera (SP-331), Rodovia Washington Luís (SP-310) e SP-225. De ônibus o trajeto é Rodoviária do Tietê em SP até Rio Claro ou Pirassununga,nestas duas cidades saem ônibus para Analândia.


A cidade possui pousadas, hotéis e camping com diárias que cabem no bolso de quem anda sem grana para se divertir. O passeio vale a pena para quem procura tranquilidade e gosta do convívio com a natureza.




Nenhum comentário:

Postar um comentário